25.8 C
Campo Grande
sábado, 23 de outubro, 2021
- Publicidade -

CRESÇA, ALIMENTE, SUSTENTE. JUNTOS” – A BUSCA POR SEGURANÇA ALIMENTAR NO SETOR AGROPECUÁRIO

Desde o ano de 1981, no dia 16 de outubro, comemora-se o Dia Mundial da Alimentação, buscando promover debates e reflexões acerca de temas importantes como a segurança alimentar e a nutrição da população carente. As discussões envolvem, também, maneiras de garantir uma alimentação saudável, acessível, de qualidade e quantidade de maneira que todos os cidadãos tenham acesso a ela de modo permanente.

Não tem como passar despercebido os novos padrões de consumo que alteram a maneira como as pessoas se conectam com os alimentos e as exigências de que estes sejam saudáveis, seguros e sustentáveis. Na busca por qualidade, os novos padrões dos consumidores impactam diretamente a produção agrícola brasileira.

O agronegócio é responsável por alimentar 1,5 bilhão de pessoas em todo o mundo, estando o Brasil dentre os maiores produtores mundiais de alimentos, estimando-se que até o ano de 2050 o planeta pode chegar a 9,7 bilhões de pessoas. 

O tema desse ano para a data, escolhido pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) é “Cresça, alimente, sustente. Juntos”. É nesse sentido que o agronegócio tem caminhado, buscando cada vez mais aprimorar os controles mundiais na produção de alimentos, para que seus consumidores possam acompanhar o produto que chega à sua mesa, garantindo que os estão adquirindo com o padrão de segurança esperado.

Com esses anseios, o foco do setor agropecuário está voltado para novas tecnologias, capazes de aproximá-lo de seus consumidores ao passo que dão a eles a possibilidade de acompanharem os alimentos desde o preparo da terra até sua chegada nos locais de venda, garantindo que estão consumindo produtos de qualidade, nutritivos e saudáveis.

CRESÇA, ALIMENTE, SUSTENTE. JUNTOS” – A BUSCA POR SEGURANÇA ALIMENTAR NO SETOR AGROPECUÁRIO

Conhecido como “celeiro do mundo”, o Brasil mantém o cenário ideal para continuar expandindo e alimentando milhões de pessoas pelo mundo e, apesar dos desafios enfrentados para seguir os novos padrões alimentares, tem mostrado que está preparado e aberto a novas formas de produção e processamento com o intuito de garantir as populações a segurança alimentar devida.

Comentários do Facebook

Confira também

- Publicidade -

AS MAIS LIDAS

- Publicidade -
- Publicidade -
Comentários do Facebook