25.8 C
Campo Grande
sábado, 23 de outubro, 2021
- Publicidade -

“Galera, Estou na Rádio”: ação de alunos visa conscientização sobre abuso de crianças e adolescentes

Com objetivo de sensibilizar e conscientizar a população sobre o enfrentamento ao abuso de crianças e adolescentes, a Comissão Intersetorial de Enfrentamento à Violência Sexual de Crianças e Adolescentes de MS, vinculada à Secretaria de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (SEDHAST), inicia, nesta quarta-feira (6), a ação “Galera, Estou na Rádio”.

Alunos da Escola Estadual Professor Emdygio Campos Widal, orientados pelas professoras Luclécia Matias e Diana Souza produziram frases para reforçar a importância do tema, como: “Para combater o abuso, conte para alguém que é próximo de você, uma pessoa em quem você confia muito”; “Um país que quer ser grande tem que proteger quem não terminou de crescer” e “Não fique calado, disque 100 ou procure alguém da sua confiança”, entre outras que comporão boletins das rádios do Governo do Estado a partir desta quarta – Dia de Combate à Violência e a Exploração Sexual Contra a Criança e ao Adolescente.

Além de conscientização da população sobre o tema, a ação tem o objetivo de efetivar as denúncias e dar visibilidade à causa. A ação foi proposta pela Comissão Intersetorial em parceria com a Coordenadoria de Psicologia Educacional, vinculada a Superintendência de Políticas Educacionais da Secretaria de Estado de Educação e aderida pela escola.

Com a ação, a Comissão Intersetorial reforça que em casos de denúncia há vários canais que podem ser utilizados. Pelo telefone, no 0800-647-1323 ou o Disque 100, ou pelo celular/whatsapp (61) 99656-5008. Todos os serviços de atendimento telefônico são gratuitos, sigilosos e funcionam 24h, todos os dias, inclusive sábados, domingos e feriados. As ligações podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita, de qualquer terminal telefônico fixo ou móvel, bastando discar 100. As denúncias também podem ser feitas na Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA) e nos Conselhos Tutelares, de forma anônima e garantindo o sigilo das informações, quando solicitado pelo demandante.

Estado pioneiro no combate

Mato Grosso do Sul é pioneiro em articular políticas públicas para combate à exploração sexual de crianças e adolescentes. Desde 1995, o Estado já conta com o Plano Estadual de Ações Integradas para Combate à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes, enquanto que o Brasil teve seu Plano Nacional construído apenas cinco anos depois. O Estado também saiu na frente com a criação do Comitê Estadual de Enfrentamento da Violência e de Defesa dos Direitos Sexuais de Crianças e Adolescentes (COMCEX) para fomentar e monitorar o Plano Estadual e o primeiro a instituir o Dia Estadual de Enfrentamento ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Boletins rádio:

http://www.ms.gov.br/estudantes-alertam-para-importancia-de-combater-a-violencia-e-a-exploracao-sexual-contra-a-crianca-e-ao-adolescente/embed/#?secret=Yywa813gVR

Joilson Francelino, Subcom

Foto: Arquivo Subcom

Comentários do Facebook

Confira também

- Publicidade -

AS MAIS LIDAS

- Publicidade -
- Publicidade -
Comentários do Facebook