26.8 C
Campo Grande
terça-feira, 4 de outubro, 2022
- Publicidade -

Cruzeiro atrasa pagamento de parcelas do acordo com Del Valle, que comunica situação à Fifa

Segundo clube equatoriano, apenas duas das 18 parcelas do acordo foram pagas pelo Cruzeiro O atraso no acordo para pagamento dos valores atrasados da compra de Rafael Sobis não foi o único protagonizado pelo Cruzeiro. O clube mineiro também está ausente no pagamento do acordo realizado com o Independiente del Valle, do Equador (em julho de 2020), em uma dívida (pela compra do zagueiro Kunty Caicedo) que gerou cobrança na FIfa e que poderá dar nova dor de cabeça.
Notícias do Cruzeiro
Veja os detalhes dos pagamentos do transfer ban do Cruzeiro
Maicon, Pedro Castro e Adriano voltam após Covid
No acordo assinado, a Raposa se comprometeu a pagar 18 parcelas iguais de 132 mil dólares (R$ 700 mil na cotação atual, cada uma), com a primeira vencendo em agosto de 2020, a juros de 1% ao mês. No total, são 2,3 milhões de dólares. Na cotação da época do acordo: R$ 12,6 milhões. Entretanto, pagou apenas duas.
A informação foi confirmada pelo gerente geral do Independiente del Valle, Santiago Morales, ao ge. Foi ele que negociou com a gestão de Sérgio Santos Rodrigues o parcelamento do débito. De acordo com ele, o atraso foi comunicado à Fifa, que aceitou a reclamação.
Cruzeiro adquiriu Kunty Caicedo junto ao Del Valle
Rudy Trindade/Light Press
A situação poderá provocar um novo processo na entidade máxima do futebol, caso não seja solucionada, e provocar novas sanções ao clube mineiro. Desde 2016, quando vendeu o zagueiro Kunty Caicedo, o del Valle vem tentando receber o valor integral do negócio.
Três gestões passaram pelo Cruzeiro e, até o momento, o negócio não teve um fim. Além de Caicedo, o Cruzeiro também fez acordos pelas dívidas de Rafael Sóbis (não cumprido), pagou parte da dívida por Willian, de Ábila (mecanismo de solidariedade), Gonzalo Latorre (mecanismo de solidariedade) e realizou o fim do processo envolvendo Thiago Neves e o Al Jazira.
Procurado, o Cruzeiro disse que, neste momento, não irá se pronunciar sobre a situação. O clube acumula outros atrasos em negociações.
Na última semana, a Raposa retirou o transfer ban que o impedia de registrar atletas. O valor não foi revelado, mas estima-se que R$ 22 milhões foram pagos ao Defensor, do Uruguai, ao Mazlatán e ao América, ambos do México.
Sócio 5 Estrelas – Cruzeiro
Divulgação
Quero ser Sócio 5 Estrelas agora!

Fonte: Globo Esporte

Comentários do Facebook

Confira também

- Publicidade -

AS MAIS LIDAS

- Publicidade -
- Publicidade -
Comentários do Facebook