26.8 C
Campo Grande
terça-feira, 4 de outubro, 2022
- Publicidade -

AÇÃO EM ALUSÃO AO SETEMBRO AMARELO PROMOVE A SOCIALIZAÇÃO E LEVA SERVIÇOS A PACIENTES DE CAPS

Nesta quinta-feira (22), pacientes do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) III Vila Almeida participaram de uma programação especial em alusão a campanha Setembro Amarelo – mês de conscientização e prevenção ao suicídio. A atividade organizada pela equipe de saúde contou com apresentação do Coral do CAPS formado por pacientes, além de outras atrações e serviços.

A manhã foi abrilhantada pela presença da cantora Ana Cabral e da atriz e diretora do grupo “Curumins Cia Teatral”, Conceição Leite, que realizaram o espetáculo “Bons Conselhos – Contação de Histórias”, produzido por Ana Maria Santana.

O grupo “Mãos que ajudam”, composto por voluntárias da comunidade da Região Lagoa, também esteve presente ofertando uma manhã de embelezamento aos usuários, que foram gentilmente presentados com corte de cabelo, manicure e design de sobrancelhas.

A gerente administrativa do CAPS, Leyisa Cardoso, destaca que toda a programação foi organizada com muito carinho pela equipe para os usuários.

“Foi uma manhã muito agradável e inspiradora. Um dos papéis do CAPS é realizar a inserção social dos usuários com transtornos mentais graves. E hoje os pacientes tiveram acesso a arte, cultura, cuidados de higiene e beleza, celebrando ainda a vida pela campanha Setembro Amarelo e a chegada da Primavera”, finaliza.

Durante o mês de Setembro, todas as unidades de saúde do município estarão realizando ações voltadas a campanha Setembro Amarelo para reforçar a importância da conscientização sobre o tema.

Campo Grande conta hoje com seis CAPS, todos com atendimento por demanda espontânea 24 horas em caso de pacientes em crise. O atendimento ambulatorial é feito de acordo com o agendamento do paciente, que já está em acompanhamento na unidade ou foi referenciado para atendimento no local pela unidade de saúde de referência da região onde mora.

Além dos CAPS, é possível atendimento também no ambulatório de saúde mental – este através de agendamento por regulação, e na unidade de acolhimento adulto, que abriga pacientes que passam por tratamento e não tem local para ficar durante este período. Para pacientes em crise, é possível também conseguir atendimento em qualquer uma das unidades 24 horas da Capital, sendo o paciente estabilizado no local e transferido para leito de psiquiátrico caso seja necessário. Nestas unidades de urgência e emergência, o paciente é medicado e acompanhado por um profissional da rede de assistência psicossocial de plantão durante sua estadia no local.

Locais de atendimento

CAPS AD IV “Fátima M. Medeiros” – Rua Theotonio Rosa Pires, 19, Jardim São Bento, Campo Grande – (67) 2020-1904
CAPS III Aero Rancho – Rachel de Queiroz, S/N, Aero Rancho, Campo Grande – (67) 3314-6415
CAPS II Afrodite Dóris Contis – Rua São Paulo, 70, Bairro Monte Castelo – (67) 2020-1897 / (67) 2020-1898
CAPS III Vila Margarida – Avenida Manoel da Costa Lima, 3272, Bairro Guanandi – (67) 3314-3144 / (67) 2020-1895
CAPS IJ II – Rua São Paulo, 70, Bairro Monte Castelo – (67) 2020-2086
CAPS III Vila Almeida – Rua Marechal Hermes, 854, Vila Almeida – (67) 2020-1715
Unidade de acolhimento Adulto – Rua Joaquim Murtinho, 1.786, Vila dos Vendas – (67)2020-9930
Ambulatório de Saúde Mental – Travessa Guia Lopes, 71, Bairro São Francisco – 06h às 22h

Comentários do Facebook

Confira também

- Publicidade -

AS MAIS LIDAS

- Publicidade -
- Publicidade -
Comentários do Facebook